PT EN

23/02/2019 até 5/11/2019
A FILHA DO IMPERADOR - FABIO PANTONI


RETRATO IMAGINÁRIO

A concretização de uma exposição composta por 18 telas e um objeto, criados a partir de uma investigação no romance histórico do livro: A Princesa Boemia, da escritora portuguesa Maria João Fialho Gouveia, a qual o artista discute e apresenta sua interpretação da vida romântica e lúdica da “Filha do Imperador”, denominação que deu título a essa exposição.

Com isso, o artista Fabio Pantoni realiza uma conexão e apropria-se de uma personagem muito conhecida para a cidade de Joinville/SC, revelando por seu olhar tão imaginativo, imagens, fatos e situações de uma mulher comum com chancela de princesa. Suas imagens transpiram o amor da história da personagem, narram momentos de sua relação pessoal, viagens, conflitos e memória.

São visões particulares sobre o relato, apresentando estas interpretações visuais até então ocultas. Pantoni sabe caminhar muito bem entre suas criações no campo do ilusório, no uso e no estudo de materiais diversos, nas suas texturas que apresentam ambientes, utilizando elementos do design e criando imagens enigmáticas.

Suas pinturas se tornam seres humanos, as cores prevalecem em valores tonais baixos, provindo na maioria das vezes sobre uma base verde terra impregnada em texturas e volumes. As pinturas são cobertas por genuínas camadas, deixando rastros de seu registro de existência nas extremidades, com pinceladas rápidas que explodem ou em aparentes conjuntos.

Os traços se destacam no contorno da imagem e os sólidos na cor vermelho bordô fazem surgir sobreposições contrastando com as aplicações em nobres folhas de ouro, podendo ser douradas ou também em cobre.

Circula pelas possibilidades de fatos marcantes na satisfação e realização da imagem que estabelece interpretações de situações em cenas íntimas, que servem de linha intensa na construção para trazer ao conhecimento “um retrato para pessoa anunciada” no caso a princesa!

Assim é PANTONI a revelar, no olhar e pelo olhar as memórias pintadas de sentimentos e caminhos viajantes.

Márcio Paloshi

Curador 



Outras exposições no Instituto:



Newsletter

Cadastre-se e receba novidades.